Pages Navigation Menu

Penso, logo duvido.

As taças Riedel – Fernando Dourado

Posted on out 18, 2019

“É claro que eu fiquei muito constrangida quando a Paula me falou que ele vinha almoçar conosco. Mais do que isso, fiquei mesmo foi apavorada. Como assim, eu perguntei. Então, bobamente, ela respondeu que ele queria muito nos ver.

Read More

Amigo é pra essas coisas… – Fernando Dourado

Posted on out 11, 2019

“Eu agradeço mesmo que você tenha aceitado esse convite, rapaz. Um almoço é pouco tempo, mas já é alguma coisa. Eu sou até capaz de dizer que boa parte dessa desorientação que me aflige decorre da falta de bons amigos com quem conversar.

Read More

Eu e ELES: Ecos de memória política – Clemente Rosas

Posted on out 11, 2019

Conheci Cristovam Buarque por volta de 1968, quando, com grande sacrifício financeiro, resolvi fazer uma “reciclagem” e me inscrevi num curso de mestrado em economia da UFPE, trabalhando apenas meio expediente no PLANESC, escritório de projetos de amigos paraibanos.

Read More

Eu e ELES: Ecos de memória política – Clemente Rosas

Posted on out 4, 2019

Quando meu conterrâneo Cássio Cunha Lima – o homem que, sem me conhecer, me nomeou Procurador Geral da SUDENE – resolveu, no final de 1993, deixar a superintendência da autarquia para retomar sua carreira política, comentou-se que o presidente Itamar Franco…

Read More

Eu e ELES: Ecos de memória política – Clemente Rosas

Posted on set 27, 2019

Na segunda metade da década de 50 do século passado, começou-se a falar, na Paraíba, de um de seus filhos emigrados.  Nascido em Pombal, no sertão do Estado, havia-se transferido, adolescente, para João Pessoa, e poucos anos depois para a capital do país, onde se formou em Direito.

Read More

Enlevo e emoção – Fernando Dourado

Posted on set 27, 2019

Sr. Editor, longe de ser eu a pessoa mais abalizada para dar referências ao eclético meio literário português, recebi com alegria o desafio que me lançou  de deslindar num arrazoado breve as razões pelas quais vossa estimada Casa deveria publicar…

Read More

Fernando de Noronha – 30ª REFENO – Eurico Pincovsky

Posted on set 20, 2019

No momento em que escrevo, tenho a absoluta convicção de que o mar é o melhor endereço para aqueles que buscam paz, fraternidade e solidariedade. Vivenciamos clima tenso, conturbado pelas eleições deste ano no Brasil (2018).

Read More

Eu e ELES – Clemente Rosas

Posted on set 20, 2019

Voltando à Paraíba em 1962, ao final do meu mandato na diretoria da União Nacional dos Estudantes, para concluir o meu curso de Direito, travei conhecimento com um rapaz franzino, de grossos óculos, pouco mais jovem do que eu, que trabalhava na Rádio Tabajara, emissora do Governo do Estado. 

Read More

Matzeivá – Fernando Dourado

Posted on set 13, 2019

Sentado no terraço do “La Rotonde”, bem ali no coração de Montparnasse, Maurício tentava se concentrar nas “Lettres d´Orient”, de Flaubert, tendo à frente um copo de Muscadet, um pires onde deixara duas moedas, um cinzeiro vazio e o telefone que, mais por hábito adquirido do que por necessidade real, ele olhava de relance.

Read More

Eu e ELES: Ecos de memória política – Clemente Rosas

Posted on set 13, 2019

Quando ouvi falar, pela primeira vez, em Ariano Suassuna, na década de 50 do século passado, tinha quinze ou dezesseis anos, e estava ainda no curso secundário.  O Teatro do Estudante da Paraíba encenava, no Teatro Santa Roza, de João Pessoa…

Read More

Eu e ELES: Ecos de memória política – Clemente Rosas

Posted on set 6, 2019

No ano de 1968, participei, como observador da FUNDINOR – Fundação para o Desenvolvimento Industrial do Nordeste, da reunião de criação da SUDAM – Superintendência do Desenvolvimento da Amazônia.  Na verdade, um belo passeio pelo rio Amazonas, com o rótulo de “seminário”, a bordo do navio Rosa da Fonseca…

Read More

Dia de setembro em Juiz de Fora – Fernando Dourado

Posted on set 6, 2019

Setembro de 2018 foi um mês magnífico. Olhando em retrospectiva, o que mais lhe conferiu sal e pimenta foi o fato de que durante as três semanas que passei em Chicago, conheci as emoções fecundas e ambíguas de testar os meus limites – para o melhor e para o pior.

Read More

O enterro do padre Gabriel – Fernando Dourado

Posted on ago 30, 2019

Em 28 de outubro de 1969, eu estava com um pé fora do colégio São Luís, ali na avenida Rui Barbosa, num Recife já então banhado das cores de fim de ano. Meses antes, fora aceito no Ginásio de Aplicação, localizado na acanhada rua Nunes Machado…

Read More

Eu e ELES: Ecos de memória política – Clemente Rosas

Posted on ago 30, 2019

Nos anos 1961-62, tempo de minha breve experiência de política universitária, só havia uma UEE (União Estadual de Estudantes) em oposição à UNE: a de Pernambuco, presidida pelo liberal Marco Antônio Maciel.

Read More

Eu e ELES – Ecos de memória política – Clemente Rosas

Posted on ago 23, 2019

A morte de Alcides Carneiro, em 1976, na distante Brasília, talvez possa ser comparada pelos paraibanos com a de Edith Piaf.  A França perdeu a sua cotovia, a Paraíba, o mais inspirado orador de massas de sua história. 

Read More

Eu e ELES – Ecos de memória política – Clemente Rosas

Posted on ago 16, 2019

No final de 1964 – mesmo inocentado pela Comissão Geral de Investigações – por conta do meu passado de militância política estudantil, fui demitido da SUDENE.  Meu regime de trabalho era “celetista”, o que permitia a demissão, ainda que sem “justa causa”.

Read More

Experiência teatral na Aliança Francesa do Recife – Fernando Dourado

Posted on ago 16, 2019

Nos anos 1970, o grupo de teatro da Aliança Francesa do Recife começou a se formar ainda no endereço da rua Barão de São Borja, no bairro da Boa Vista. O melhor centro para aprendizado de francês do Nordeste, e seguramente um dos melhores do Brasil…

Read More

Eu e ELES: ecos de memória política – Clemente Rosas

Posted on ago 9, 2019

Para Joaquim Inácio Brito, parceiro de longas conversas “de omni re scibili et quibusdam aliis”, que me sugeriu escrever estes textos.

Read More

A última semana de um certo mês de Julho – Fernando Dourado

Posted on ago 2, 2019

Não sei se deveria dedicar tanto tempo ao noticiário impresso. Não bastassem as incursões pelas redes sociais (cada vez menos frequentes, é verdade), por que sacrificar momentos preciosos em que poderia me entregar às caminhadas, com a leitura dos jornais em papel…

Read More

A feira de Caruaru – Teresa Sales

Posted on jul 26, 2019

Agora estou em dúvida se já não escrevi há pouco mais de um ano, nesta revista, uma crônica com o mesmo cenário e quase as mesmas personagens. Preguiça de entrar no site pra ver. Bom, talvez a questão agora seja outra.

Read More

Carta De Portugal – Sérgio C. Buarque

Posted on jul 26, 2019

No livro “Carta a Portugal – divagações de um velho sertanejo sobre a Água e a Pedra endereçadas ao Senhor Presidente”, o personagem criado por Fernando Dourado Filho escreve uma longa correspondência para o atual presidente português, Marcelo Rebelo de Sousa, propondo a anexação do Brasil por Portugal.

Read More

O enterro do general – Fernando Dourado

Posted on jul 19, 2019

Hoje Florence veio me visitar. Eu até imaginava que ela fosse trazer a pequena Francesca para desanuviar os ares, para ajudar-nos a desarmar os espíritos hostis que têm prevalecido entre nós, e cujas trocas andam, para dizer pouco, um tanto travadas desde a morte do pai dela.

Read More

Netuno – Fernando Dourado

Posted on jul 5, 2019

Primeiro foi só uma impressão, quase esperança.
Mas quando Demétrio Castro reconheceu a garçonete que, desengonçada, atendia no Pachamama, de imediato se sentiu um homem renovado, um ser humano quase feliz.

Read More

A senhora Li, a operadora de eclusas – Fernando Dourado

Posted on jun 21, 2019

Wu disse que fiquei corada quando o juzhang  Cheng fez a saudação de praxe no salão de banquete da prefeitura. “Para a camarada Li, hoje promovida a gerente de operações, tornando-se nossa primeira zong jingli. Que permita pois a nossas balsas transportar toda riqueza possível…

Read More

Estância de Ginastera, quatro danças com tempero portenho – Frederico Toscano

Posted on jun 14, 2019

Com a morte de Heitor Villa-Lobos em 1959, Alberto Evaristo Ginastera(1916-1983) tornou-se o mais popular compositor erudito sul-americano.

Read More

Cem anos de “À Sombra das Raparigas em Flor” – Paulo Gustavo

Posted on jun 14, 2019

Os proustianos de todo o mundo, sobretudo os franceses, estão festejando os 100 anos do segundo volume do maior (e, para eles, o melhor) romance já escrito: “Em busca do tempo perdido”. Incluo-me na fila dos devotos, com a humildade que requer esse magnífico templo da literatura…

Read More

A Viena Vermelha – João Rego

Posted on jun 14, 2019

Imaginem um país destruído após uma terrível guerra, como foi a Primeira Guerra Mundial. A Áustria, derrotada, viu o Império Austro-Húngaro ruir. Em 1918, encerrava-se um regime de poder constituído desde 1867.

Read More

Carta a Portugal – Fernando Dourado

Posted on jun 7, 2019

Todos os detalhes estavam finalizados. Entre o feriado de 1 de maio de 2019 e o domingo seguinte, passei ao editor a minibiografia pedida, os textos sugeridos para a contracapa e as badanas – nome que se dá em Portugal às orelhas dos livros -, e batemos o martelo com respeito à capa.

Read More

Amigos do Mar – Clemente Rosas

Posted on maio 31, 2019

Amigos?  Talvez não seja adequada a expressão, pois desde sempre os tenho pescado, e mesmo impiedosamente caçado, por algum tempo, no fundo de suas locas.  Mas sempre com a autoimposição de comê-los, pois é da natureza humana comer outros viventes de carne e osso.  Como disse Augusto dos Anjos, com sua habitual amargura, na segunda estrofe do poema “À Mesa”:

Read More

Impressões de um viajante: Viena – João Rego

Posted on maio 24, 2019

Viena, na passagem do século XIX para o século XX, foi a origem de uma revolução na forma como seria definida nossa humanidade. No epicentro dessa revolução estava Freud e seu livro “A Interpretação dos Sonhos”. Como toda revolução duradoura, a princípio, não foi bem recebida.

Read More