Pages Navigation Menu

Penso, logo existo.

As Bodas de Fígaro de Mozart, crítica subversiva em música sublime – Frederico Toscano

Considerada por muitos a maior ópera do compositor austríaco Wolfgang Amadeus Mozart (1756-1791) e a mais perfeita de todas as óperas já escritas, “As Bodas de Fígaro” (ou “Le Nozze di Figaro”, no italiano original) associa números arrebatadores a uma trama sólida e divertida.

Read More

La Serva Padrona de Pergolesi, de entreato a paradigma operístico – Frederico Toscano

As mudanças ocorridas na Europa no raiar do século XVIII provocaram profundas alterações nas relações sociais, políticas, econômicas, culturais que culminaram em rupturas significativas, especialmente, no campo ideológico.

Read More

Carmina Burana de Carl Orff, sorte e desventura na roda da fortuna – Frederico Toscano

Uma curiosidade que muitos apreciadores da chamada “música erudita” nunca pararam para pesquisar é qual a peça clássica mais ouvida desde que foi gravada pela primeira vez.

Read More

Salomé de Strauss, o resgate polêmico de uma figura bíblica – Frederico Toscano

Mesmo sendo considerado o último compositor romântico alemão, as influências operísticas de Richard Georg Strauss (1864-1949) não podem ser reduzidas a um único estilo.

Read More

Madama Butterfly de Puccini, um choque cultural no Extremo Oriente – Frederico Toscano

O compositor italiano Giacomo Puccini (1858-1924) – que tinha um enorme nome de batismo (Giacomo Antonio Domenico Michele Secondo Maria Puccini) – ocupa lugar ímpar na história da ópera graças a La Bohème…

Read More

Eugênio Oneguin de Tchaikovsky, o remorso por um amor não correspondido – Frederico Toscano

O compositor Piotr Ilitch Tchaikovsky (1840-1893), primeiro russo a conquistar fama internacional na música, é mais conhecido pelas sinfonias…

Read More

Carmen de Bizet, a primeira ópera feminista da história – Frederico Toscano

Ao morrer em 2 de junho de 1875, aos 36 anos, o compositor francês Georges Bizet (1838-1875) não tinha sobrevivido o bastante para saber que sua ópera Carmen tornar-se-ia uma das mais queridas obras musicais jamais escritas e a mais amada de todo o repertório francês.

Read More

Aída de Verdi, amor e traição no antigo Egito – Frederico Toscano

O mais bem-sucedido e tocado compositor da história da ópera não foi um pioneiro musical como Wolfgang Amadeus Mozart (1756-1791) e Richard Wagner (1813-1883), porém mais que qualquer outro compositor Giuseppe Verdi…

Read More

Tristão e Isolda de Wagner, um monumento ao amor transcendental – Frederico Toscano

O compositor, ensaísta e diretor de teatro alemão Richard Wagner (1813-1883) levou a ópera a elevadas alturas em matéria de intensidade musical, revolucionando toda a experiência operística.

Read More

Norma de Bellini, a tragédia de uma paixão proibida – Frederico Toscano

Mestre do chamado bel canto, a arte de expressar dramas intensos através do “belo canto”, o compositor italiano Vincenzo Bellini (1801-1835) seguiu e aprofundou o legado operístico de Gioacchino Rossini…

Read More

Don Giovanni de Mozart, a ópera das óperas – Frederico Toscano

O compositor austríaco Wolfgang Amadeus Mozart (1756-1791) é uma figura ímpar na história da ópera. Outros grandes mestres, entre eles Giuseppe Verdi (1813-1901) e Richard Wagner (1813-1883), deixaram sua marca exclusivamente na ópera…

Read More

Introdução à ópera – Frederico Toscano

A ópera é vista como puro exagero até por fãs apaixonados da música clássica. Afinal, há melhor termo para uma arte que une enredos intrincados, textos incompreensíveis, orquestração enfática, interpretação hiperbólica, encenação exótica e cantores temperamentais?

Read More